Memorando: Conceito

Comunicação interna utilizada pelas chefias ou servidores autorizados, na qual se expõe qualquer assunto referente à atividade administrativa. Pelas suas características de certa informalidade, o memorando deve ser elaborado com simplicidade e concisão.

MEMORANDO: forma e estrutura

  • MEMORANDO (caixa alta, por extenso), seguido de numeração (seqüencial crescente e anual)
  • Emissor: sigla do setor emitente e respectivas vinculações hierárquicas, precedidas por barras, precedido de Do/Da.
  • Data: deverá figurar na mesma linha do número e identificação.
  • Destinatário: menciona-se o cargo ocupado, precedido de À/Ao.
  • Assunto: teor da comunicação.
  • Texto: conteúdo do documento, com parágrafos numerados na margem esquerda do texto, com exceção do primeiro e o fecho.
  • Fecho: fórmula de cortesia. Respeitosamente, para autoridades superiores e Atenciosamente, para autoridades de mesma hierarquia ou hierarquia inferior.
  • Nome e cargo do emitente: assinatura do servidor que emitiu o memorando, sobreposta a seu nome, o cargo e função, apostos a carimbo.

MEMORANDO: observações

  • O memorando deverá ser emitido em duas vias, que serão encaminhadas ao setor de destino, o qual reterá o original e devolverá a cópia ao emitente, para seu arquivo, fazendo as observações relativas ao recebimento, na cópia.
  • A assinatura não poderá ficar em página isolada.
  • Visto do chefe imediato/superior.
  • Não incluir despacho ou informação no verso do documento.
  • Evitar o uso de rubrica, quando ocorrer, apor carimbo para dar conhecimento de quem emitiu o documento.
  • Consultar sempre que necessário, a listagem: Organização Hierárquica dos Órgãos da UFF, emitida pelo NTI , para a correta utilização das siglas dos órgãos.
  • No texto do memorando poderá se empregada, a 1ª pessoa do singular ou a 1ª pessoa do plural.
  • Ver DESPACHO ()

MEMORANDO: exemplo

Exemplo de Memorando